A música light nas escolas: seria uma nova geração de guitarras?

Parece que estamos vivendo uma nova era. Antigamente, os jovens não se interessavam tanto por música, talvez pelo fato de não existirem instrumentos elétricos. A juventude gosta de efeitos sonoros mais elaborados e fortes.  Os adolescentes de hoje querem (buscam) um som que represente seus sentimentos. Isso aconteceu lá por volta dos anos 30, veja aqui. Esse som revolucionou a música como um todo. Além da guitarra, surgiram os instrumentos digitais (teclado, etc.). Tudo isso fez a banda de antigamente se tornar outro tipo de banda, uma banda mais forte e enérgica. Em outras palavras: uma banda jovem.

A música da nova geração de estudantes

Esse movimento vem ganhando força até hoje, principalmente depois da popularização da internet. O mundo online trouxe avanços enormes para a música. Antes, quem queria aprender música ficava restrito a livros pesados. Até mesmo conseguir professores particulares era muito custoso. Era preciso uma indicação de alguém, um conhecido ou parente que já tivesse tido aula ou conhecesse algum bom professor para indicar. Sem essa indicação ou conhecimento prévio, você ficaria sem ninguém para te dar aula. Com a internet, você encontra um professor na hora. Basta digitar no google “professor de guitarra” e pronto, aparecem muitas opções já filtradas para sua cidade. Mas o avanço não para por aí. O maior ganho com isso tudo foi a possibilidade de estudar música online. Isso permitiu que não fosse preciso nem mesmo procurar professores de guitarra, afinal o site acaba sendo seu professor. Não existem mais impeditivos para quem quer aprender, basta saber procurar.

Os cursos de guitarra

Hoje sim podemos dizer que quem gosta de música e não sabe tocar nenhum instrumento é preguiçoso, principalmente se a preferência é pela guitarra.

Imagem de Amostra do You Tube

Não faltam cursos e tutoriais sobre guitarra na internet, como por exemplo:

http://www.descomplicandoamusica.com/guitarra/

Mas é preciso ser bastante criterioso também para não acreditar em qualquer coisa que é ensinada, pois a popularização também traz a vulgarização. Consulte sempre alguém que conheça bem sobre o assunto para agilizar sua evolução e também para filtrar aquilo que presta. Afinal, a nova geração de guitarristas e músicos não deve ser uma geração de conhecimento superficial. A facilidade traz melhorias, não acomodação. Pense nisso!

Outras formas de aprender:

Recentemente, surgiu uma notícia falando que o aprendizado de um instrumento era questão de genética. De certa forma, isso é verdade, pois a herança genética musical dos pais vai determinar um pouco do seu talento. Muita gente, inclusive, está tentando chegar em algum número que determine o percentual que o talento representa e ajuda a acelerar o aprendizado, mas isso é uma tentativa inútil. Em vez de ficar perdendo tempo com isso, seria muito melhor investir seu tempo tentando aprender a tocar guitarra, pois dessa forma você estará focando suas atenções naquilo que REALMENTE interessa. Ficar fazendo discussões e entrando em debates com pessoas não fundamentadas vai só estressar você e levar todos a lugar nenhum. Quem almeja ser um bom músico não pode dar ouvidos a discussões como essa. Procure ter uma opinião própria sim (isso é importante), mas aprofunde seu conhecimento em coisas práticas. Assim os benefícios ficarão bem visíveis.